domingo, 24 de junho de 2012

Fúria de Titãs 2 (Wrath of the Titans 2) - 2012






Sinopse: Depois de ter matado o Kraken, Perseu (novamente interpretado por Sam Worthington), semideus filho de Zeus, opta por levar uma vida de humano e ficar ao lado de seu filho.Isso, até o dia em que Posseidon (Danny Huston), Deus do Mar e seu tio, o procura, já enfraquecido, para dar a notícia de que Zeus (Liam Neeson) foi capturado e preso no Submundo. Os responsáveis por isso foram o outro filho e o irmão de Zeus: Ares (Édgar Ramírez), Deus da Guerra, e Hades, Deus do Submundo.

Com o sequestro, eles pretendem libertar Cronos (pai de Hades, Zeus e Poseidon), com quem fizeram um pacto para ter mais poder. O problema é que com Cronos à solta, a humanidade será extinta.

Cabe a Perseu - com a ajuda de Agenor (Toby Kebbell), semideus filho de Poseidon, e da Rainha Andrômeda (Rosamund Pike) - salvar seu pai e, consequentemente, o mundo dos humanos.

Com o sequestro, eles pretendem libertar Cronos (pai de Hades, Zeus e Poseidon), com quem fizeram um pacto para ter mais poder. O problema é que com Cronos à solta, a humanidade será extinta.
Cabe a Perseu - com a ajuda de Agenor (Toby Kebbell), semideus filho de Poseidon, e da Rainha Andrômeda (Rosamund Pike) - salvar seu pai e, consequentemente, o mundo dos humanos.

Porque ver?
Efeitos, gente. Efeitos especiais, por todos os cantos. Efeitos, efeitos, e mais efeitos. Aquela parte do Cronos é a única coisa que presta no filme. Monstrengo super desenvolvido, gigante, muito bem feito e muito bem filmado. Os cenários se esforçam em parecem reais e alguns até conseguem, mérito dos esforços da direção de arte. É uma produção de 150 milhões de dólares, mas que não faz jus ao seu custo em tudo o que foi empregado no filme. E…. e só. 

Por que não ver?
Porque um filme que tem Liam Neeson, Ralph Fiennes e Bill Nighy, e ainda assim não funciona de jeito nenhum, não deveria existir. A direção dessa bagaça é porca, suja, neurótica, picotada, com montagem histérica, corrida. O diretor entende que “ação” é picotar o filme em milhares de fragmentos por segundos para esconder seus defeitos (nem sempre os monstros sao vistos perfeitamente e quando são vistos não passam de bonecos digitais que se movem roboticamente, o que chega muitas vezes a incomodar). Medíocre.

Não dá para falar de momentos de vergonha alheia total dos atores, mas a pagação de mico que colocaram Fiennes e Neeson é insuperável. No auge da breguice, eles precisam fazer as pazes, apelar para sentimentalismos baratos e juntar as forças para deter a fúria de Cronos enquanto Perseu faz um bitch fight com seu irmão pé no saco Ares - e quando tinha apanhado mais do que tudo, dá uma reviravolta e derrota o cara que é infinitamente superior a ele, como num milagre (oi?).

O filme não tem drama. É uma sucessão de imagens esquizofrênicas rolando pela tela. Não há uma linha definida, não há tensão, não há momento para chorar. É tudo corrido. Com dez minutos de filme já começa a correria. No final, no epílogo, o roteiro ainda tenta empurrar goela abaixo do espectador um relacionamento amoroso entre Andromeda e Perseu. Relacionamento que nunca funcionou. É triste. É bizarro. É cabuloso.

Até os ciclopes, criaturas que podiam ser interessantes, rendem um tipo de participação especial completamente desnecessária, usada apenas para gerar imagens em CGI para o público. ALiás, todos os monstros que aparecem no filme parecem não ter nenhuma função a não ser aparecer gratuitamente, provocar altas confusões e só. Não existe um motivo, não existe uma razão dessa bagaça existir.

A trilha sonora é porca. A montagem é neurótica, descontrolada. O filme não envolve, os personagens não cativam, seus díalogos são vergonhosos, de dar nojo. A fotografia é suja, poluída, não possui elegância para esse tipo de filme. Não dá para aturar Sam Worthington atuando porcamente (é a fraude do século, um dos piores atores que já existiram, sem carisma, sem talento, horrível) e Rosamund Pike pagando de guerreira. Furia de Titãs 2 não passa de um arremedo de roteiro, parece feito às pressas, é cafona, é o fim da picada. 

Pay attention, please….
Em Cronos, a única coisa que presta nessa porcaria. Ele vale o esforço de ver o filme.


Efeitos, efeitos, efeitos e efeitos.


Dou 1,5/5
Só porque Jason torceu pelo Cronos acabar com essa bagaça toda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Não gostou? Sugestões? Críticas? Essa é a sua chance de dar a sua opinião porque ela é muito importante para nós! Seja educado e cortês, tenha respeito pelo próximo e por nós, e nada de ofensas, tá? Esse é um espaço democrático, mas comentários ofensivos serão excluídos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...