terça-feira, 10 de julho de 2012

Trilhas Sonoras - Como treinar seu dragão - 2010



Olá, gente!

É com muito prazer e satisfação que inauguro mais uma sessão no blog "O horror, o horror" e espero que os leitores curtam muito o que vamos apresentar aqui a partir de hoje!

Um dos maiores prazeres da Tia Rá aqui é ouvir trilhas sonoras de filmes, sejam elas conhecidas ou não. Há no cinema casos interessantes em que as trilhas se tornaram realmente inspiradoras e marcaram época - quem não se recorda do tema de "Guerra nas Estrelas", de John Williams? Ou dos acordes apavorantes de "Tubarão", também de John Williams? Sim, há casos em que elas se tornaram tão emblemáticas e tão icônicas quanto o próprio filme, sendo impossível dissociá-la de sua produção - como "As time goes by" e Casablanca, por exemplo - ou os casos em que a trilha é superior ao que vemos nas telas e supera com folga a qualidade do filme que a originou - tal qual os poderosos vocais de Whitney Houston em "O guarda-costas", a trilha de maior sucesso da história. 

Não precisamos nem citar, é claro,  os casos em que som e imagem casam tão perfeitamente que ambos se tornam sucesso e deixam marcas na história cinema, do qual um dos melhores exemplos a serem citados seria "Titanic". Existem trilhas que não funcionam no filme, mas fora dele - a trilha sonora instrumental de "Transformers 3", por exemplo, me chamou atenção para isso -, e vice versa. Sem falar em compositores que, de tantas trilhas de sucesso, conseguiram fama e respeito notáveis, como é o caso do já citado John Williams.

Pretendo aos poucos apresentar aqui trilhas sonoras de destaque, que valem a pena serem ouvidas, seja para passar o tempo, seja apenas por curiosidade ou para momentos de inspiração e relaxamento - ou, quem sabe, simplesmente recordar de uma cena marcante de um filme e de um momento que passamos com quem gostamos no escurinho do cinema! 

Toda essa apresentação para ressaltar que as trilhas sonoras são artifícios importantíssimos para os filmes. É através delas que nos emocionamos, rimos, sentimos aquela vontade de se levantar da poltrona do cinema e sair por aí dançando, sentimos medo, embarcamos em um suspense, nos eletrizamos com a ação, e gravamos em nossas memórias cenas que nunca se apagam mesmo depois das sessões de cinema. Trilhas sonoras reinventaram a forma de ver um filme, nos comovem, nos leva a uma montanha-russa de emoções e, muito mais, fazem sentir um filme em toda a sua plenitude. Ou seja, trilha sonora é, assim como o cinema, pura ARTE.   

E, partindo para o ponto chave desse tópico e aproveitando a deixa de um post recente no blog, uma das trilhas sonoras que me surpreenderam positivamente foi a de "Como treinar seu dragão", de John Powell, cujos comentários a respeito do filme você pode ver clicando aqui. É claro, não vamos entrar aqui em detalhes técnicos, afinal, Tia Rá não é nenhuma musicista ou especialista técnica em instrumentos musicais (seja lá o que isso significar). Ela apenas escolhe algumas trilhas do seu acervo gigante e diz qual delas merece ao menos sua atenção. Estamos combinados?

O compositor autor da trilha, John Powell, é inglês e é conhecido do público pelo trabalho realizado anteriormente em outras animações como "Shrek", "A era do gelo" e "Happy Feet, o pinguim". Recentemente, ele cuidou da trilha sonora de animações como "Kung Fu Panda 2" e "Rio", o que vem fazendo dele um especialista no ramo. Outro trabalho conhecido dele pode ser apreciado em "X-Men 3", principalmente na vibrante criação do tema da Fênix (falaremos desses filmes e de suas trilhas em outros tópicos). 

Aqui, Powell obteve uma indicação ao Oscar - merecida - pela trilha sonora desta animação da Dreamworks que merece a atenção do leitor. O trabalho transita entre o épico, com canções vibrantes, dramáticas, e emocionantes, variadas em ritmo que casam perfeitamente com o filme. Um trabalho inspirado, com destaques para a melhor da trilha, a "Romantic Flight", e de faixas de momentos importantes do filme, como "Forbidden Friendship" e "Test Drive". Para ilustrar o tópico, Tia Rá oferece um aperitivo para o leitor. Basta clicar nos nomes das canções para ser direcionado a vídeos musicais de sequências do filme com as faixas citadas:





Se você gostou do que ouviu, pode baixar o arquivo com a trilha sonora completa, que está disponível aqui! Vale a pena conferir esse trabalho!

Até a próxima parada musical!

Tia Rá!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Não gostou? Sugestões? Críticas? Essa é a sua chance de dar a sua opinião porque ela é muito importante para nós! Seja educado e cortês, tenha respeito pelo próximo e por nós, e nada de ofensas, tá? Esse é um espaço democrático, mas comentários ofensivos serão excluídos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...