sábado, 15 de setembro de 2012

Impacto Profundo – 1998 (Deep Impact -1998)




Título Original: Deep Impact
Ano: 1998
Direção: Mimi Leder
Roteiro: Bruce Joel Rubin e Michael Tolkin
Elenco: Morgam Freeman, Robert Duval, Elijah Wood, Tea Leoni, Leelee Sobieski, Vanessa Redgrave.
Sinopse: Um cometa do tamanho do Texas está em rota de colisão com a Terra, e atentaiva da NASA de explodi-lo falha. Agora, enquanto o governo dos EUA realiza um sorteio nacional para decidir quem poderá se refugiar em abrigos subterrâneos, o resto da população tem de se preparar para o fim que virá com o impacto.

Por Lady Rá.


Eu adoro “filmes catástrofe”. Eu adoro ver tornados, vulcões, ondas gigantes nas telas, desde que o roteiro seja escrito com um mínimo de bom senso, não precisa ser uma obra-prima irretocável, mas um pouquinho de bom senso, é pedir muito? Creio que não.  Em Impacto Profundo, o adolescente Leo Beiderman (Elijah Wood), isso mesmo um ADOLESCENTE, descobre sem querer um cometa que está em rota de colisão com a terra, o que levaria a espécie humana à extinção. Porque não existe gente altamente capacitada que monitora o espaço 24 horas por dia, é claro! Uma jornalista intrometida, investigando um membro do governo, descobre uma “movimentação estranha”, levando o todo poderoso presidente a falar com ela pessoalmente, dando-lhe direito a participar de uma entrevista coletiva na qual ele revelará à nação a verdade (porque o presidente não tem problemas mais sérios pra se preocupar, ele vai esquentar a cabeça com um suposto escândalo).  O cometa descoberto pelo garoto Leo, então com 14 anos, levaria dois anos para colidir com a terra. Neste espaço de tempo, o governo passou a se preparar para o pior, criando abrigos, estocando alimentos, medicamentos, água e tudo que for necessário para manter uma pequena parte da população protegida até os efeitos da colisão amenizassem. Paralelo a isso, astronautas americanos e russos se unem em uma missão para tentar destruir o cometa.

O filme foca não na tragédia em si, mas nos efeitos que a iminência da extinção da humanidade causa na vida das pessoas. Assim, o adolescente Leo, que ganhou o direito de ir para o abrigo com a família, tenta encontrar uma forma de proteger também sua amada Sarah. Jenny, a jornalista, procura restabelecer os vínculos partidos com seus pais, enquanto isso, os astronautas trabalham para destruir o cometa e, nas ruas o caos é geral. Isso até que poderia render um bom filme, mas a preguiça dos roteiristas arruína qualquer chance disso acontecer, não apenas pelos motivos já citados, mas também por uma imensidão de situações absolutamente sem sentido. Certos furos poderiam ser aceitos, se o filme não fosse um emaranhado deles. Pois como aceitar que um pai permita que seu filho adolescente abandone a segurança de um abrigo, com o mundo entregue ao caos, para ir atrás de uma garota? Por que alguém guardaria a chave de sua moto em um pote cheio de quinquilharias de metal (encontrá-la seria o mesmo que encontrar agulha e um palheiro), só pra criar uma tensão barata? Não mencionarei a forma “mágica” como Leo encontra Sarah em meio a um engarrafamento de sabe-se lá quantos quilômetros.


Não bastassem os incontáveis furos, os roteiristas apostam no melodrama barato e em velhos clichês para tentar estabelecer uma situação dramática, mas acabam forçando demais a amizade. Os atores fazem o que podem, mas ficam presos em personagens mal desenvolvidos. Vale pela dinâmica entre os astronautas e pelos momentos finais, quando a onda gigante atinge o continente, ainda que tudo seja mostrado de forma superficial. Impacto Profundo termina sendo uma enfadonha novela mexicana meets Roland Emerich.


Nota: 2/5

Eu gosto de revisitar o filme quando é exibido na TV, porque gosto do Elijah Wood (embora seu personagem seja inútil para o filme).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Não gostou? Sugestões? Críticas? Essa é a sua chance de dar a sua opinião porque ela é muito importante para nós! Seja educado e cortês, tenha respeito pelo próximo e por nós, e nada de ofensas, tá? Esse é um espaço democrático, mas comentários ofensivos serão excluídos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...