domingo, 13 de janeiro de 2013

A Delicadeza do Amor (2012)




Título Original: La Délicatesse
Ano: 2012
Direção: David Foenkinos, Stéphane Foenkinos
Roteiro: David Foenkinos
Elenco: Audrey Tautou, François Damiens, Bruno Todeschini, Mélanie Bernier, Pio Marmal, Audrey Fleurot, Ariane Ascaride, Christophe Malavoy.
Sinopse: Nathalie (Audrey Tautou) é jovem, bonita, tem um casamento perfeito e leva uma vida tranquila, com tudo no lugar. Contudo, quando seu marido vem a falecer após uma acidente, seu mundo vira de cabeça para baixo. Para superar os momentos tristes, ela decide focar no trabalho e deixa de lado seus sentimentos. Até o dia em que ela, sem mais nem menos, tasca um beijo em Markus (François Damiens), seu colega de trabalho e os dois acabam embarcando numa jornada emocional não programada, revelando uma série de questões até então despercebida por ambos, o que os leva a fugir para redescobrir o prazer de viver e entender melhor esse amor récem-descoberto.

Por Lady Rá

A delicadeza do amor é uma comédia romântica francesa, com toques de “dramédia” que exala traços de cinema independente. Desde a fotografia, passando pela trilha sonora interessante ao comportamento peculiar de seus personagens. O longa acompanha a história de Nathalie (Audrey Tautou), uma mulher comum, que conhece o amor ao lado de François, sua vida segue perfeitamente, até que ele morre em um acidente de trânsito. O mundo de Nathalie vira do avesso. Com o destino pode ser tão cruel em separar um jovem casal feliz e apaixonado de forma tão trágica? Assim, Natalie mergulha de cabeça no trabalho, para amenizar o seu sofrimento. Os amigos insistem para que ela saia com outras pessoas, e mesmo seu chefe tenta conquistá-la, mas Nathalie se mantém irredutível.


Mas o amor não tem hora marcada para chegar ou para ir embora. Assim Nathalie começa, sem querer, a se envolver com o colega de trabalho Markus, um sueco um tanto feio e desajeitado, que ninguém na empresa onde eles trabalham havia notado antes. Um belo dia o destino trata de fazer com que eles se enxerguem. E a partir daí, a relação dos dois começa a ser construída passo a passo, com naturalidade, com a delicadeza que o título sugere.

Audrey Tautou é encantadora e segura bem o filme, mas a diversão fica por conta de seu apaixonado Markus (François Damiens) e seu chefe Charles (Bruno Todeschini). Markus faz graça sem fazer força. O tipo físico do ator ajuda bastante, ele não é um galã, e mesmo sendo desajeitado, é charmoso, educado, atencioso e engraçado, o que acaba atraindo a atenção de Nathalie.  E o chefe acaba funcionando de forma eficiente como alívio cômico, uma pena ter sido tão pouco aproveitado pelo roteiro.

Mas algumas coisas não funcionam muito bem, como as relações no ambiente de trabalho, ou mesmo a forma como Nathalie e Markus se “envolvem” pela primeira vez, soa um tanto forçado. A primeira parte do longa também é uma tanto estranha, mas o filme passa a ficar divertido, à medida que a relação do novo casal começa a desenrolar. O filme tem como maior mérito, não transformar a questão da perda em um dramalhão mexicano, abordando o tema com honestidade e mostrando o recomeço de forma natural. Assim, A delicadeza do amor, resulta em um bom filme, para assistir num fim de tarde, sem compromisso.

Cotação: 3/5

Se você gosta de romance e for paciente, vai que dá.

TRAILER


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Não gostou? Sugestões? Críticas? Essa é a sua chance de dar a sua opinião porque ela é muito importante para nós! Seja educado e cortês, tenha respeito pelo próximo e por nós, e nada de ofensas, tá? Esse é um espaço democrático, mas comentários ofensivos serão excluídos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...