segunda-feira, 25 de março de 2013

Resident Evil - O hospede maldito - 2002 (Resident Evil - 2002)



Título Original: Resident Evil
Direção: Paul W.S. Anderson
Roteiro: Paul W.S. Anderson
Sinopse: Num laboratório de alta tecnologia (Umbrella), um vírus acaba contaminando todo o sistema. O sistema é controlado pelo super-computador denominado: "Red Queen". Com a contaminação, o "Red Queen" acaba "selando" o laboratório. Todos os cientistas ficam presos, e acabam infectados pelo vírus. As pessoas infectadas pelo vírus viram Zumbies, e todas as pessoas que esses monstros mordem acabam virando a mesma criatura. Agora Alice (Milla Jovovich) e Rain (Michelle Rodriguez), líderes de um esquadrão militar especial invadem o laboratório. Alice tem apenas três horas para selar o laboratório, ou todo o planeta será infectado. Alice irá descobrir, ainda, que os zumbis não são a única forma letal de vida presente no local.

Por Tia Rá

Atoron a cara de WTF da Michelle gente!
Confessar uma coisa procês... Gosto do tom desse filme, porque é bem pobre e quando o filme é pobre, o povo tem que dar sangue pra fazer o que pode, né gente? Então tudo que é coisa tem que ser no improviso porque tem que render e caber no orçamento de pobre. Pois... nada de astros no elenco, nada de produção caprichada, vai tudo no SE VIRA NOS TRINTA! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk


A começar pelo roteiro vagaboondu. No fiapo de trama, nossa lynda CamoMilla Xoxovixe tá sem memória, uns soldados chega, leva ela pra um base debaixo da terra que funciona como laboratório de pesquisa pra o vírus zumbi. Todo mundo morreu porque uma piriguete chamada nigrinha vermelha, um computador, matou todo mundo quando o vírus escapou. Aí vai rolar zumbi, Milla de vermelho, Milla lutanu, correnu, fim. Perguntinha que tia Rá fazia ao ver a primeira meia hora do filme (raciocinem com a tia aqui e me digam se eu tou grogue porque acho que tomei muitos drinks hoje): cê tá toda desmemoriada, toda loka das ideias, acorda grogue numa mansão linda, toda ryca, vem um batalhão de soldados, te leva sabe lá pra onde e, tchipo assim, tu vai esperar dois dias pra perguntar que poha que tá acontecendo minha filha? W-T-F? Cadê escândalo, Camomilla? Cadê grito, cadê barraco, bicha linda? Mas num é possível uma coisa dessas minhanossasenhoradoperpetuosocorro! 


MIlla zenzualizanu pros zumbis
OHWAIT! Tem outra coisa que ninguém explicou pra tia porque ou ninguém tem a resposta ou eu tou velha demais pra entender. Se a piriguete vermelha mirim assassina observava todo mundo que entrava pelas câmeras, porque ninguém resolveu quebrá-las e deixar a songa monga cega, povo? 


Achei importantchy perceber como todos os coadjuvantes são descartáveish - sorry, minha língua tá presa - e morre quase todo mundo logo em uma cena de raiosh lasersh porque a piriguete fatia todo mundo - incluindo o líder da missão. COMOLIDAR com Alice, que não sabia nem onde tarra nesse mundo nem o que era porque tarra toda fumambenta e, de repentchy, tem um lapso de memória e vira uma lutadora kung fu ninja karatê kid de primeira capaz de dar saltos ornamentais duplos twistsh carpadosh e tirosh com precisão cirurgicash para matar caezinhosh zumbish? Eu posso com isso, povo? Alguém me salva?


Foi o que deu pra fazer com o orçamento LOL
A primeira vezsh que uma zumbi aparece é tão sofrível que causa risosh. Paul o diretor dessa bagaça preciosa não sabe o que fazer com a câmera e não sabe criar tensão nem suspense. Quando uma multidão de zumbish com make pobre se aproxima do grupo, falta o clima de terror, falta fotografia, falta trilha sonora condizente, falta atuações, falta sangue, falta tudo neçabosta - quase tive um AVC seguido de infarto quando um rock pesado começou a subir no momento de ataque zumbi. OI PAUL? Cê é quem na noite mesmo? Aquele cara que fez AVP? Que diretor MARA. SÓQUENÃO kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk 


Mas tem coisa pior, né povo mutante da Terra... tem o monstro de borracha linguarudo, que alguém achou melhor transformar em uma animação de vídeo game do Playstation para o filme e ficou aquela aberração de cair o queixo de tão porcalhona. Uma das coisas mais trash do filme - depois da super shimbalaiê Michelle Rodriguesh de visual drag zombies com lente de contato azul pagando micaço. Axei leesho.



O final aberto deu brecha para continuarem esse troço e a gente tem que aturar isso sabe Deus até quando.

Cotação: 1/5

A-T-É Q-U-A-N-D-O?



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Não gostou? Sugestões? Críticas? Essa é a sua chance de dar a sua opinião porque ela é muito importante para nós! Seja educado e cortês, tenha respeito pelo próximo e por nós, e nada de ofensas, tá? Esse é um espaço democrático, mas comentários ofensivos serão excluídos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...