quinta-feira, 11 de abril de 2013

Duro de Matar 2 - 1990




Título Original: Die Hard 2
Ano de lançamento: 1990
Direção: Renny Harlin
Roteiro: Doug Richardson, Steven E. de Souza, Walter Wager
Elenco: Bruce Willis, Franco Nero, Robert Patrick
Sinopse: Em Washington, um grupo de terroristas toma um aeroporto internacional com a intenção de resgatar um militar deportado envolvido num grande esquema de distribuição de drogas. 
Agora John McClane (Bruce Willis),um policial duro de matar, vai tentar combater esses bandidos e ao mesmo tempo ir contra o chefe da segurança do aeroporto e o teimoso comandante do esquadrão anti-terrorista.



Por Jason

A sequência do sucesso Duro de Matar (1988) foi lançada apenas dois anos depois para assegurar ao estúdio uma gorda bilheteria e estabelecer nos cinemas a série de sucesso que fez de Bruce Willis um astro dos filmes de ação. A estratégia deu certo: o orçamento de 70 milhões de dólares resultou em mais de 300 milhões de bilheteria neste filme de ação genérico cheio de tiros e de explosões.

A trama é um fiapo. Numa noite de Natal no aeroporto internacional de Washington, John McClaine, o policial que dispara piadas como uma metralhadora giratória, está esperando pelo voo de sua esposa Holly Gennero (Bonnie Bedelia). Mas um grupo de terroristas que exigem a soltura de um perigoso terrorista que vai desembarcar no aeroporto paralisa o local e a ação logo começa. Os terroristas desligam todos os sistemas do aeroporto e o isolam. Adentram a frequência de contato entre a torre e os aviões, causando um acidente com a queda de um avião cheio de passageiros. Em breve, o avião da esposa de McClaine também precisará pousar e o policial, claro, precisa correr contra o tempo. Como no primeiro filme, estará em seu encalço um repórter, no caso, uma mulher, que por fim o ajudará - o repórter mala do primeiro filme está no mesmo avião da esposa de McClane. Para completar toda essa confusão, é adicionado um outro vilão, que está no lado dos mocinhos e acaba traindo o time.

A direção do filme é oriunda do quarto filme de Freddy Kruegger, A hora do pesadelo 4, que mais tarde dirigiria o fracassado A ilha da garganta cortada, e os horríveis O exorcista: o início e Do fundo do mar, e pouco difere do estilo seco do diretor do filme anterior, John McTiernan - ou seja, é o mesmo que trocarem seis por meia dúzia. Aqui, McClane continua fazendo suas peripécias que desafiam qualquer probabilidade física possível conhecida - e essas partes, como os fãs da série sabem, é o melhor do filme. 

McClane é preso dentro de uma cabine de avião e escapa de uma enxurrada de granadas atiradas dentro da cabine usando um assento ejetável (!). Quase é atropelado por um avião militar que, embora tenha quatro turbinas, não mexe nem um fio de cabelo do policial poucos metros de distância. Mais tarde, numa corrida num veículo para neve motorizado, escapa ileso de uma chuva de balas e de uma explosão depois de voar por cima de um caminhão. Como se não bastasse, para pegar os bandidos, salta de um helicóptero em movimento na asa de um avião, abre o tanque de combustível e explode o avião no ar. É de matar de rir.

Seguindo a cartilha de adicionar um vilão interpretado por um ator mais carimbado, a trama acrescenta Franco Nero, como o vilão General Ramon Esperanza. O melhor do filme ao rever é perceber que ele traz Robert Patrick como um dos vilões, em participação pequena, antes de se tornar o robô T1000 de O exterminador do futuro 2 e John Leguizamo, em participação mínima como um dos capangas do vilão. No campo técnico, notam-se melhorias proporcionadas por um orçamento de super produção da época, como efeitos especiais envolvendo desastres aéreos, num evidente uso de maquetes e truques de câmera, o que não impediram, no entanto, que o filme envelhecesse. 

Cotação: 3/5


Um comentário:

  1. Achei o mais fraco da franquia (ainda não vi esse último),
    apesar de ter me divertido com todas as cenas absurdas.
    Mas não lembro de ter visto Robert Patrick e o Leguizamo
    no elenco, quando revê-lo tentarei encontrá-los. (...)

    ResponderExcluir

Gostou? Não gostou? Sugestões? Críticas? Essa é a sua chance de dar a sua opinião porque ela é muito importante para nós! Seja educado e cortês, tenha respeito pelo próximo e por nós, e nada de ofensas, tá? Esse é um espaço democrático, mas comentários ofensivos serão excluídos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...