domingo, 7 de julho de 2013

Trilha Sonora - Guerra Mundial Z


Por Tia Rá

Marco Betume foi indicado duas vezes ao Uóscar, pela trilha sonora de 3:10 to Yuma, de 2008, e Guerra do Horror, em 2010, com a minha, a sua, a nuóssa Jemy Rena (aquele filme podrinho que eu naum suporton a naum ser pela minha deewa Jemy Rena, que ainda acredita que a gente acredita que ele pode ser menino viu REFLITAM...). 

Betume adora um horror neam gente..., como as péssimas Resident Evil e A coisa, que é uma coisa mermu, são tudo dele... até arriscan uns trabalhos interessantchy como Não tenha medo de frescura, A piriguete de preto e Pânico - e filmes de assaum como os da série Duro de Cagar, Jonah TRex, Underworld, Eu e o Robô. 


Ele até se arriska em outros ramo sabem... tipo, fez As sessaum, e tals... Mas Betume é todan agressivan nos batuques. Num chega a ser a Zimmer, toda trabalhada no afro reggae e nos filhos de Gandhy, mas adora um batuque de Ilê Ayê tamém.

Este ano, Betume ainda vai fazer a Carrie, a piranha, e aqui Betume não foge a regra! Guerra Mundial ZZZZZZZzzzzzzzzZZ COMA tem uma trilha sonora temça, com momentos de suspense e assaum, duas coisa dramátchicas, mas que num consegue fugir do genérico neam gente.... O miór de tudo é que eçapoha é curtan, num vai te deixar ensurdecidon! hahahaahah


Jurooooo por tudo qui é mais sagradu, Lady Rá!
Agora sai daqui que o post é meu


A abertura, com "Philadelphia", traz o encontro do Olodum com Filhos de Gandhy na praça Castro Alves que é do povo, uma caracteristchica que vai ficar todaaaaaa no conjunto do começo ao fim com "Ninja Quiet", "NJ Mart" e "Zombies In Coach". Todas tem aquele batuque afroxé, mas sem brilho (logo, quando eçamerda acaba, ninguém se lembra de música niuma RISOS). 

"The Lane Family", a melhor do álbum  implanta suavidadchy, beleza, magia, feitiçaria e treconologhia, um tom de melancolian e de tristeza ao conjunto, destoano de tudo. Já podemos amar...! 



Falta uma coisa central, tudo parece um carnaval, falta um tema que cruze UI! todasfaixa, entendem?. "Searching For Clues" e "Hand Off!" tem toda uma coisa trabalhada no suspense, uns instrumento eletrônicos, maish, gentchy.... num me empolgô naum...

"The Salvation Gates" vira uma faixa de assaum depois de um começo xoxo, como se algo estoraçe no filme, e é interessante até mas VIIIISSSHHHH.... Hummm... Outra boua faixa, a segunda melhor de todas, é "Wales", que traz uma guitarra e umas coisa de sintetizadores. "Like a River Around a Rock' é a desnecessária, tá ali pra preencher vaga.

Resumino tudo, uma diarreia musical.

- Cota pra mim minha irmã que eu quero sambar!!!
- Vou dar 1/5 pra você sambar nos infernos, Lady Ráta!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Não gostou? Sugestões? Críticas? Essa é a sua chance de dar a sua opinião porque ela é muito importante para nós! Seja educado e cortês, tenha respeito pelo próximo e por nós, e nada de ofensas, tá? Esse é um espaço democrático, mas comentários ofensivos serão excluídos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...