domingo, 8 de setembro de 2013

Adeus Falkenberg - 2006



Por Tia Rá

momento Nell
Recebi esse filme, Adiós Flamenblargh de indicassaum de alguém que me odeia, e aqui tou eu, todan comovidan - sqn - por ter perdido meu tempo com isso. Eu pudia tá lavano roupa, lavano prato, cozinhano, mas tarra aqui, assistino a esses filme alternatchivo que só a minha irmã Lady Rá curte. Por sinal, Lady Rá está ofissialmentchy morta, depois de parir um filhote de alien e deverá retornar pra cá na forma de alma penada. Beijos pra minha irmã querida que eu tanto amo! morra

Vamo falar da traman disso? Se tiver com preguiça, nem perca seu tempo também HAHAHAHAHAH! 

O filme mostra uns amigo que mora num buraco no meio das Europa, aquele lugar que você sempre sonhou em ir e morar pra sair desse país cagado que a gentchy vive, mas tchipo, pra eles tá tudo muito ruim, entende? SERUMANO né gentchy, nunca tá satisfeito com nada, bora trocar de lugar, povo, pra ver quanto tempo vocês suportariam de morar aqui onde moro nesse lugarzin no meio do nada, com cheiro de terra moiada? #Sandy

tou deprê, vô me jogar!
Enfim... aí, elas num tem nada pra fazer a num ser furtar, invadir casa, falar asnera, fumar uns baseado, comer cogumelo, ficar pelado no rio, jogar video game, eticetera. Mas tchipo, rola toda uma depressaum e uma magoa de caboclo com um deles, ele acaba pegano uma espingarda e se matano. Aí a beesha amiga fica toda comovidan e tals, sai correno, gritano, quer morrer afogadan, porque vivia cherano o suvaco da facessida, todo um amor platônico.  Aí uns decide por sair da city, outros naum, FEEN DU FILME.

Num sei porque o povo acha que pra falá de tédio pressiza nesseciariamentchy (me salva professo Pascoale) fazer um filme entediantchy? Qual o sentido disso, dexar a plateia intedchiada pra sentir na pele toda a emossaum do tedio, gentchy? Basta ficar um dia de domingo em casa, bufando o dia todo assistino o Faustaum, querem melhor bionça experience do que essa? Dinamismo mandou lembranssa nessa montage History Channel, amigas! Olha... Tema do filme é interessantchy, tchipo: onde vamos dar? como vamos dar? pra quem vamos dar? o que queremos, o que podemos, comassim vamos morrer aqui nesse fim de mundo? Drama, prostituição, macumbaria, drogas, tudo se misturan na forma de um filme eletrizantemente tediante, com atores tudo galego que consegue ser tudo feio. Como? Porque? Quando? Sexta, no Globo Repórter. 

#dramatchica
Mas num tem tema que segure a atenssaum de um filme paradeira geral, pelamooorrr neam gente.... agiliza aí, produssaum. Transformar uma hora e vinte minutos de filme em 24 horas é demaish pra meu eu. Nem Kubrick conseguiu tamanho feito com 2001 pra contar a história todan das umanidade, como alguém disse num outro post que tou com preguiSSa de reproduzir aqui, logo um filme paraguaio sueco alemão irlanês francês naum precisa disso. RÁÁÁÁ! Fica dica. Bejos. 


Cota: 1,5/5

Sobrevivi ao sono. Naum chega a ser macumba, é apenas descartável.

2 comentários:

  1. Adoro a maneira com que tu escreve, dá pra se divertir bastante com o contesto e tudo mais, porem a escrita é meio complicadinha pra quem não tem costume e tal :s
    Tem coisa que tá escrito complicado (sei que é proposital)
    mas demora um pouco a se entender e tal... Abraço e sucesso com o blog!

    ResponderExcluir

Gostou? Não gostou? Sugestões? Críticas? Essa é a sua chance de dar a sua opinião porque ela é muito importante para nós! Seja educado e cortês, tenha respeito pelo próximo e por nós, e nada de ofensas, tá? Esse é um espaço democrático, mas comentários ofensivos serão excluídos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...