quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Salò ou os 120 Dias de Sodoma - 1975



Por Tia Rá e os 120 machos de Gomorra

num adianta xorá, vai todo mundo dar a boonda!
Ma gente, quando me recomendaram esse filme maravilhoso, Saló e 120 dias de pootaria na Gomorra, me disseram que era babado, confusão e gritaria. Eu pensay, gente, eu preciso ver isso coms meu próprio zoio antes de morrer! Óia como é o psicrogo da pessoa né... quando eu vi no começo do filme já nos letreiro aquela parte de VITIMAS MASCULINAS e VITIMAS FEMININAS, eu falei, ORISVALDO ME TRAZ MINHA PINGA QUE O NEGOÇO VAI SER FORTE!!!

Já tarra abalada emocionalmente antes do troço rolá, já me imaginarra em estado de coma profundo quando terminasse. Durante duas horas seramos bombardeadas por todo tipo de pootaria, de siriricadas, poonhetchinhas, sexos oral e toletes comidos. Pois bem... O filme se passa nas época dos Nazista e fala de umas menina e uns menino que são preso pra satisfazer os prazer sexual de um monte de doente. 

E os menino gente? Rola toda uma inspessaum, mostrano os piu piu deles, os cara já chega dizeno CALÇA PRA BAIXO CAMISA PRA CIMA, ou dá ou desceeeeeeeeeeeee!!! Os home tudo doido pra deflorar os menino virgem, bizarrice define! E quando começa as pootarias com as menina, povo do Monte Sinai, me ajudaí.... mulher vai lá oferecer as pobre pra os tarados de plantão... Eu disse...



ME SOCORRE ORISVALDO MEU MARIDO QUE EU TOU PASSANO MAL!!! 

E tome entorná pinga pra dentro viu, porque o troço é baphonico!
quem tiver a mió boonda vai ganhar o quê? pee ka chu

As regra do jogo é clara, né Arnaldo... eles tão ali pra fazer orgia, vão tudo dar até num poder mais. Quem for correr, MORRE! Aí uma mulé é logo estoporada no jantar, o outro já dá a boonda ali na hora porque fica excitado. Tem uma véia que ensina as pootas de serem pootas e as viada de serem viada. Outra é obrigada a fazer um ballcatchy num boneco e ensinar comofas os trabalho manual. Um pobre do menino já cai de boca na situação do véio na frente de todo mundo, enquanto a Jacutchinga véia cabelo cor de loro pivete conta suas aventura de quando era poota desde criança.

Derrepentemente, um casal de guri é obrigado a se casar, um home tarado sai chupano todo mundo num fogo dos diabo. No momento da lua de mel, começa uma taração onde ninguém é de ninguém, os home tara os dois, é um negoço TEMÇU. Povo faz os coitado e as coitada de cachorro, quando a gente menos espera é vem os home papocano a pobre coitada da virgem. Mas a sena da punição é algo mítico neam gente? Cara solta o toletão ali na frente do povo e manda a virge dramatchica dar aquela mordida no chocolate e comer o cocôzão. Naum satisfeitos, um almoço feito de todas as merdas cagadas por todos é servido pra todo mundo saborear que nem chocola-VOMITEI MEUS ALMOÇOS DE TRÊS DIAS. Apenax. 

delissiozos cocôs pra comer no café da matina
huummmm DELÍCIA
Todos são tarados por boondas, e decidem dar um prêmio para quem tiver a mió boonda de todas. Aí as beeshas véia se casam vestidas de mulé e tipo, vão dar na noite de núpcias. Tem umas maquiage bem pobre, uns pinto de borracha bem trash, umas pepecas de mentira, ma nada que comprometa toda a aberração. Eu mesmo adoray toda essa patacoada e viadage, mas daí dizer que é tipo, o filme mais perturbador de todas galaxia é muito né... força a amizade não, misera.

Cota: 0/5

Filme só num tem razão pra existir, acho que só eZiste pra saciar a vontade de um monte de doente que adora umas nojera. Ma num morra antes de ver.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Não gostou? Sugestões? Críticas? Essa é a sua chance de dar a sua opinião porque ela é muito importante para nós! Seja educado e cortês, tenha respeito pelo próximo e por nós, e nada de ofensas, tá? Esse é um espaço democrático, mas comentários ofensivos serão excluídos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...