domingo, 2 de abril de 2017

Sing - Quem canta seus males espanta - 2016





Por Jason


A aposta recente dos estúdios Illumination, responsáveis pelos Minions derivado da série Meu Malvado Favorito, apresenta uma cidade repleta de animais em busca de realizar seus sonhos como cantores. O urso Coala, Sr Moon, dono de um teatro e ex famoso apresentador de shows está falido procurando por uma nova oportunidade. A porquinha Rosita se desdobra entre cantar, ser dona de casa e criar 25 filhos; uma elefantinha, Meena, é dona de uma voz poderosa mas é tímida; o gorila Johnny de uma gangue sonha em ser cantor mas é obrigado pelo pai a roubar; um rato saxofonista, Mike, trabalha tocando no meio de uma estação de metrô por alguns trocados e um casal de porcos espinho, Ash e Lance, tentam a sorte tocando Rock. 

Para tirar o pé da lama, Sr. Moon lança um concurso de canto na cidade e, graças a atrapalhada de sua velha secretária, os cartazes são impressos com um valor cem vezes maior do que o oferecido por ele, atraindo uma multidão de candidatos. A questão para ele agora é continuar com o show e levantar o dinheiro para pagar o vencedor atraindo o investimento da grande estrela Nana, que no passado fez seu nome e se transformou em um sucesso graças ao teatro. O banco está atrás de Moon para que ele pague o que deve, ameaçando tomar o lugar que o pai comprou para ele. Enquanto se viram como podem para seguirem com suas vidas e dramas pessoais, os personagens tentam realizar o sonho de se tornarem cantores e serem reconhecidos pelos seus talentos vocais.

O elenco estelar traz as vozes de Matthew McConaughey, Reese Witherspoon, Seth MacFarlane, Scarlett Johansson, John C. Reilly, Taron Egerton, Tori Kelly, Jennifer Saunders, Jennifer Hudson, e Leslie Jones. O filme mantém a média das produções do estúdio, com orçamento relativamente baixo em comparação a concorrência - a animação custou 75 milhões de dólares - e foco nos personagens. O resultado é simplista, porém convence na tela com personagens simpáticos que agradam tanto aos pequenos quanto aos adultos: Sing já soma uma saudável bilheteria de mais de 600 milhões pelo mundo. 

A trilha sonora passa por Beyoncé, Katy Perry, Sam Smith, Taylor Swift, John Legend, Queen, Luciano Pavarotti, Vivaldi, Elton John, George Michael, Stevie Wonder, Leonard Cohen, Frank Sinatra, e até por Tom Jobim e sua Garota de Ipanema. A animação é eficiente naquilo que se propõe, em entreter, apesar da fragilidade e da falta de profundidade nas personalidades dos personagens: o único que parece ter um arco mais sólido é justamente Moon, que carrega a mensagem motivacional do filme, do acreditar em seus sonhos, mesmo com as quedas e obstáculos que surjam pela vida. Pode não ser a redenção nem ter a complexidade dramática e qualidade de algumas produções da Pixar, mas funciona bem como um leve passatempo. 

Cotação: 3/5

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Não gostou? Sugestões? Críticas? Essa é a sua chance de dar a sua opinião porque ela é muito importante para nós! Seja educado e cortês, tenha respeito pelo próximo e por nós, e nada de ofensas, tá? Esse é um espaço democrático, mas comentários ofensivos serão excluídos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...